Loading...
Você está aqui:  Home  >  Economia  >  Benefícios do Governo  >  Artigo atual

Tudo sobre o Imposto de Renda 2012

Por   /  Sem comentários

    Imprimir       Email

Um das datas mais importante para todos aquelas pessoas que se enquadrarem nas normas, é a declaração do imposto de renda, que antigamente era feita apenas por contadores, mais com o avanço da tecnologias, a mesma passou a ser feita pela internet, e por qualquer contribuinte que se enquadre nas normas deste programa.

Sobre o prazo

O prazo para fazer e entregar a declaração de imposto de renda será até o dia 1 de Março á 30 de Abril de 2012, o sistema funcionará até às 23h59m do último dia.

Mudanças referente ao ano passado

Vale lembrar que das regras que eram seguidas do ano passado para as desse ano, sofreram algumas mudanças, segundo informações da Receita Federal, as regras que sofreram alterações e acréscimos foram as seguintes:

  • A soma dos rendimentos anuais que obriga fazer a declaração do imposto de renda passa a ser 23.499,15 reais neste ano, contra 22.487,25 reais do ano passado;
  • O limite de dedução por dependente, que era de 1.808,28 reais no ano passado, passa para 1.889,65 reais este ano;
  • O piso dos rendimentos tributáveis do produtor rural passa de 112.436,25 reais para 117.495,88 reais;
  • Doações feitas aos fundos previstos no Estatuto da Criança e do Adolescente até 30 de abril de 2012 poderão ser abatidas na declaração do IR – antes só eram contempladas as doações feitas até 31 de dezembro do ano anterior. Mas neste caso o abatimento do valor doado está limitado a 3% do imposto devido. Nas doações feitas até 31 de dezembro de 2011, o abatimento segue sendo 6%;
  • As regras para as demais doações – incentivo à cultura, à atividade audiovisual, ao desporto e ao fundo do idoso – seguem como antes: com abatimentos limitados a 6% do imposto devido e com data limite até 31 de dezembro de 2011;
  • A pessoa física com renda superior a 10 milhões de reais anuais terá que utilizar o certificado digital para apresentar sua declaração. Trata-se de um documento de identidade eletrônico, que pode ser emitido no site da Receita (RECEITA – FAZENDA) No ano passado, 170 contribuintes se enquadraram nessa faixa de rendimentos.

Quais pessoas são obrigadas a declarar

Siga o [Mini Dicas] no Facebook Clique no botão Curtir para se inscrever na nossa página.

É importante deixar claro que nem todas as pessoas precisam declarar o Imposto de Renda, para isso, a Receita Federal separou alguns quesitos que deverão ser lidos e analisados por cada pessoa para saber se essa pessoa deve ou não declarar o imposto de renda de 2012, os quesitos informados pela Receita Federal são os seguintes:

  • Contribuintes que receberam em 2011 rendimentos tributáveis cuja soma foi superior a 23.499,15 reais;
  • Aqueles que receberam rendimentos isentos, não tributáveis ou tributados exclusivamente na fonte, cuja soma foi superior a 40.000 reais;
  • Quem obteve, em qualquer mês, ganho de capital na venda de bens ou direitos – sujeito à incidência do imposto – ou realizou operações em bolsas de valores, de mercadorias, de futuros e assemelhadas;
  • Contribuintes do setor rural que obtiveram receita bruta superior a 117.495,88 reais; ou que pretendem compensar prejuízos de 2011 ou anos anteriores;
  • Quem contabilizou, em 31 de dezembro, a posse ou a propriedade de bens ou direitos, inclusive ‘terra nua’ (ver glossário), em valor total superior a 300.000 reais;
  • Pessoas que passaram à condição de residentes no Brasil no ano passado;
  • Contribuintes que optaram pela isenção do IR sobre o ganho de capital na venda de imóveis residenciais, cujo valor será aplicado na aquisição de outro(s) imóvel(is) em 180 dias contados a partir da celebração do contrato de venda.
  • Podem ser deduzidos os gastos com a educação regular, com o limite individual de R$ 2.800. Não entram cursos de línguas, de informática, música e dança. Os gastos com saúde podem ser deduzidos sem limite de valor, mas não podem ser incluídos remédios.

Onde entregar a declaração

Para aqueles contribuintes que desejam entregar a declaração, a mesma poderá ser entregue de duas formas. A mais comum e melhor de ser feita é através da internet, pelos softwares que a própria Receita Federal disponibiliza para download em seu site, aos quais esses são dois, que podemos citar, o IRPF 2012 que é utilizado para preencher e gerar a declaração, e o Receitanet que é para a transmissão da declaração aos servidores da Receita Federal. Os mesmos podem ser baixados de graça no próprio site da Receita Federal, no seguinte link: Receita – Fazenda

A segunda forma, mais por intermédio da primeira, é que o contribuinte tem a opção de entregar em qualquer agência do Banco do Brasil ou da Caixa Econômica Federal um disquete com as informações que são geradas pelo software IRPF 2012.

Se você ainda não declarou o imposto de renda de 2012, corra, porque o tempo já está acabando.

    Imprimir       Email

Escrito por:

Editor Webwriter do Mini-Dicas e estudante de Sistemas de Informação, tem 22 anos e curte tecnologia desde pequeno. Começou seu blog pessoal em meados de 2005 e desde então escreve sobre seu assunto preferido: O mundo da tecnologia.

Na categoria de Benefícios do Governo, Economia, Informações. Fique sempre atualizado, receba nossas dicas por e-mail gratuitamente; Clique Aqui. Você pode deixar um comentário ou compartilhar esta página para seus amigos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

Current month ye@r day *